Sorrisos

CASO DO MÊS

REABILITAÇÃO ORAL EXTREMA - IMPLANTES ZIGOMÁTICOS

Hoje vimos aqui apresentar um caso clínico que demonstra até onde os nossos ossos maxilares podem ir termos de reabsorção/perda óssea.

Estes pacientes, como é o caso desta nossa paciente, para além de não apresentarem osso em qualidade, por vezes ainda acresce o facto de o osso ser em minima quantidade.

Nestas situações, não podemos utilizar os implantes convencionais, mas sim outro tipo de implantes, ou muito mais pequenos que o habitual, ou muito mais compridos como são o caso dos Implantes Zigomáticos.

O nome de Implantes Zigomáticos advém do facto de os implantes na sua porção superior não serem fixos no maxilar superior, porque os pacientes já não possuem este osso em quantidade e qualidade suficientes para uma boa ancoragem, mas sim no osso Zigomático.

É um procedimento levado a cabo sempre em Anestesia Geral.

No presente caso, foram utilizados implantes Zigomáticos e implantes ditos convencionais.

Esta cirurgia foi efectuado pela equipa do C.E.R.O. e pelo Dr. Fernando Duarte, colegas de formação em cirurgia na SIN- sistema de implantes.

O Dr. Luis Pinheiro, agradece toda ajuda e empenho profissional e cirúrgico que o Dr. Fernando Duarte teve a gentileza de prestar no Hospital durante a cirurgia.

Esta é uma Reabilitação Oral de extrema complexidade e que foi levada a cabo pelo Dr. Tiago Ribeiro e a sua equipa em mais este trabalho levado até vós.

A nossa paciente está de Parabéns, pela força, esperança e confiança em nós que demonstrou em toda a duração do tratemento, cerca de 6 meses.

Partilhe o nosso artigo

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Siga-nos

Equipa

A equipa da CERO, vocacionada para a Medicina Dentária Estética, orgulha-se em oferecer o melhor a cada paciente…

Outros artigos